Suplementos Protéicos

A suplementação nutricional é definida como o consumo de um nutriente com o objetivo de ter determinado efeito, e é muito comum no meio esportivo, pois atletas e pessoas que praticam atividade física visam melhor rendimento, saúde e aperfeiçoamento da forma física.

Dentre os suplementos mais utilizados, estão às proteínas e os aminoácidos, pois as proteínas fornecem a base estrutural de tecidos e órgãos e são estruturadas como uma sequência linear de aminoácidos.

O profissional nutricionista vai avaliar e prescrever os suplementos de acordo com as necessidades do seu paciente, avaliando os riscos e benefícios, como também se os resultados foram satisfatórios ou não, porém sempre com o objetivo de promover a saúde.

AMINOÁCIDOS:

  • – BCAA: Os aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA – Leucina, Isoleucina e Valina) compreendem cerca de um terço das proteínas do músculo. São essenciais para todas as reações de síntese do tecido muscular.

2 – Leucina: A Leucina é um aminoácido essencial que diminui a degradação do músculo e poupa os estoques de glicogênio.

  • – Arginina: A administração oral da L-arginina tem sido relacionada com a melhora da fadiga muscular, decorrente do seu efeito vasodilatador sobre os músculos esqueléticos.
  • – Glutamina: O músculo é o maior armazenador de glutamina. As células do cérebro e pulmão são produtoras de glutamina, enquanto as do intestino, rins e sistema imunológico são consumidoras. O músculo e o fígado podem tanto produzir como consumir glutamina.

PROTEÍNAS:

  • – Creatina:A Creatina é uma substância endógena que se encontra principalmente no músculo esquelético. A creatina e a fosfocreatina tem papeis importantíssimos como transportador de energia para a movimentação do fosfato de alta energia em várias células. A suplementação de creatina é usada como agente ergogênico.

2 – L- carnitina: É uma substância fisiológica, normalmente sintetizada pelo próprio organismo e também a partir de fontes alimentícias. Participa no transporte dos ácidos graxos de cadeia longa através da membrana mitocondrial.

3– Whey protein: As proteínas do soro do leite, conhecidas como whey protein, são extraídas durante o processo de fabricação dos queijos. Possuem alto valor nutricional, por conter alto teor de aminoácidos essenciais.

            Neste texto falei um pouco sobre o que é um suplemento proteico e os tipos mais utilizados. Nos próximos textos vou falar a fundo de cada um, aguardem.

Dra. Georgia Rocha | Nutricionista Esportiva | Instituto Bonvivere

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *